» » Voz do Brasil: conheça a história desse marco na história do rádio


O que é A Voz do Brasil?

A Voz do Brasil é um tradicional programa de rádio, o mais antigo do país, que traz informativos oficiais produzidos pelo Poder Executivo, Legislativo e Judiciário, além de órgãos governamentais. No ar de segunda-feira a sexta-feira, o conteúdo é produzido pela Empresa Brasil de Comunicação.
Veiculado obrigatoriamente por todas as estações de rádio brasileiras, o programa tem como objetivo divulgar os acontecimentos políticos do país, além de destacar os atos e realizações do governo em exercício.

Como o programa surgiu?

Transmitido pela primeira vez em 1935, o programa A Voz do Brasil — na época batizado de Programa Nacional — foi idealizado por Armando Campos e o Departamento Nacional de Propaganda (DNP) para dar popularidade ao governo de Getúlio Vargas.
Em 1938, o programa passou a ser chamado de Hora do Brasil e sua transmissão começou a ser obrigatória na programação de todas as emissoras, sempre no horário das 19h às 20h. Mas foi somente em 1971, durante o governo do presidente Médici, que ele assumiu a identidade de A Voz do Brasil.

Por que a transmissão de A Voz do Brasil é obrigatória?

Um dos principais canais de comunicação do governo com o povo, o programa A Voz do Brasil se tornou obrigatório na grade de todas as rádios brasileiras por oferecer a possibilidade de divulgar informações de forma parcial e direta, livre de interpretações ou opiniões das emissoras.
Durante muitos anos o rádio funcionou como um instrumento de comunicação governamental e propaganda ideológica, e isso foi traduzido de forma ainda mais intensa durante o regime militar. Com a marcação cerrada dos censores oficiais, o programa destacava as “grandes obras e milagre econômico” do período.

Quais são as principais mudanças enfrentadas pelo programa nos últimos anos?

Além da mudança de nome, o programa A Voz do Brasil passou por diversas mudanças desde a sua criação e hoje é transmitido em um formato bem diferente do idealizado por Getúlio Vargas.
Uma das principais reclamações dos radialistas foi finalmente atendida quando, em 2018, foi sancionada a lei que flexibiliza o horário de transmissão do programa. Que deixa de ser obrigatoriamente às 19h e passa a poder ir ao ar entre 19h e 22h.
Cada vez mais comuns no mercado brasileiro, as rádios onlines estão livres da obrigatoriedade e não precisam transmitir o jornal em suas programações. A famosa música tema do programa também passou por modernização e ganhou versões em samba, forró e bossa-nova.
Como você pode perceber, esse programa foi um verdadeiro marco na história da rádio brasileira, fazendo parte de diversos momentos importantes do país e impactando diretamente a vida dos radialistas e profissionais do segmento.

Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta