» » Rádio acompanha retomada econômica nos EUA



Habitantes de países que estão controlando a pandemia de COVID-19 vêm mantendo o hábito de ouvir rádio na rotina de retomada. Essa é a conclusão de um levantamento da rede de rádio Westwood One, braço norte-americano da Cumulus Media, com base em um estudo em andamento feito pela Nielsen. Os dados apontam que a reação econômica será favorável também ao meio.

Segundo o estudo, o grupo que mantém a audiência radiofônica em dia está mais propensa, por exemplo, a investir em viagens, restaurantes, compra de veículos: 24% dos ouvintes de rádio AM / FM pretendem planejar ou reservar férias dentro de um mês após a COVID-19 diminuir em sua região.

Os dados levam em conta a população dos Estados Unidos, país que já atingiu patamar mais elevado de imunização e estabeleceu medidas graduais de flexibilização. Os mil participantes da pesquisa, realizada em março, foram divididos em três diferentes categorias de retomada econômica: “espere para ver", "prossiga com cautela" e "pronto para ir".

Do total, 61% disseram estar “prontos para começar”. Em abril de 2020, apenas 34% fizeram essa mesma afirmação.

Outro apontamento do estudo é que os consumidores que se consideram “prontos para ir” são mais propensos a ouvir rádio AM / FM, em comparação com os outros dois grupos mais hesitantes.

Esses ouvintes também são consumidores desejáveis para as marcas: têm filhos com idades entre 2 a 11 anos (117), renda anual superior a US$ 100 mil (113) e trabalham fora de casa (114).

Para a diretora de marketing de conteúdo da Cumulus Media, Lauren Vetrano, “embora a turbulência do ano passado tenha confundido muitos setores, o ressurgimento é uma chance para os anunciantes otimizarem seus orçamentos de publicidade e se concentrarem em maneiras de alcançar consumidores que estão prontos para gastar".

FONTE: ABERT

Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta