» » O rádio unido a favor dos ouvintes e contra a pandemia



O rádio continua colecionando iniciativas de sucesso, provando sua credibilidade, companheirismo e força. Além disso, as ideias lançadas pelas emissoras provam que a integração e a colaboratividade podem ser grandes diferenciais para a radiodifusão paranaense.

Uma das ações de sucesso é a campanha “Juntos na Mesma Frequência”, lançada em Umuarama com o objetivo de convencer o consumidor a comprar no comércio local, mantendo assim a cidade forte e garantindo a manutenção de milhares de empregos. O lançamento da ideia se deu na Rádio Ilustrada FM e a previsão é durar até a segunda quinzena de agosto.

Idealizada pelo radiodifusor padre Carlos, diretor da Rádio Inconfidência, a campanha nasceu da inquietação dele em ajudar a cidade. “Iniciei dentro da rádio uma discussão sobre como ajudar a cidade neste momento difícil que vivemos. Depois de trocar algumas ideias, realizamos algumas entrevistas com empresários da cidade. Eles gostaram muito da iniciativa. Apesar da desunião que havia entre as emissoras aqui da região, fiz a proposta de nos unirmos em prol de um interesse comum. Liguei para todos e a ideia foi muito bem aceita”.

Após diversas reuniões, a ideia começou a ser desenhada junto com a agência Hertz Propaganda e com o incentivo da Aciu (Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Umuarama). “Apesar de pouco tempo da campanha no ar, apenas 20 dias, os empresários estão gostando bastante, eles elogiaram a unidade das rádios em torno de uma ação para motivar o comércio local. Para nossa surpresa, outros radiodifusores nos ligaram e seguiram nosso exemplo. Nós focamos no bem. Logo vem a segunda etapa da campanha”, explica padre Carlos. 

O presidente da Aciu, Orlando Luiz Santos, exaltou a ação. “O prestígio do consumidor é a chave para a preservação de um expressivo número de postos de trabalho e consideramos a iniciativa muito significativa”.

União

Para o diretor-presidente do grupo Ilustrado e ex-presidente da Aerp, Ilídio Coelho Sobrinho, a união das emissoras está dando bons resultados, além de apaziguar as tensões comerciais que existiam entre as rádios. “Hoje estamos conversando, trocando ideias e esse movimento não vai parar aqui. A ideia é comercializarmos em conjunto. Estamos apenas esperando a situação amenizar para seguirmos com os próximos passos”, relatou. Segundo ele, a união está trazendo dividendos para todas as emissoras porque o comércio percebeu quão importante é a unidade, principalmente na área da comunicação, para o bem de todos. “Não podemos pensar que fazemos concorrência entre nós. Essa união irá nos ajudar a recuperar a mídia que perdemos, justamente pela boa performance das rádios em divulgar aquilo que o comércio está precisando”, comentou.

Os comerciantes, segundo Aline Ruge, radiodifusora e presidente da Aerp Jovem, dizem que as coisas estão melhores do que o esperado. “Isso é um sinal positivo. Agora, em uma segunda etapa, estamos entrevistando os empresários da região que estão fazendo a diferença neste momento delicado, falando das medidas tomadas, iniciativas diferenciadas para inspirar outros empresários. Cada semana uma emissora produz uma entrevista e compartilha com as demais. A entrevista vai ao ar no mesmo horário em todas as emissoras”.

A união é a palavra de ordem nesse momento para Aline. “Nesse momento, precisamos deixar nossas diferenças de lado e dar o exemplo. Isso fortalece o nosso setor perante os empresários da cidade, além de mostrar a agilidade, credibilidade e responsabilidade do rádio”.

“Todos na Mesma Sintonia”

As emissoras de rádio de Maringá, inspiradas pela campanha realizada em Umuarama, promoveram uma ação para levar informação e esperança na luta contra o coronavírus.

Com o lema “Juntos Vamos Derrotar o Vírus”, a ideia da campanha veio do diretor da Colmeia FM, Rafael Soares, o qual disse que a campanha surpreendeu, desde o momento que entrou em contato com os diretores das outras emissoras da cidade. “A aceitação foi unânime. Os radiodifusores viram que seria uma grande oportunidade de revelarmos o trabalho que cada emissora vem fazendo neste momento de pandemia”.

O profissional reforçou que todas as emissoras ficaram muito felizes com o resultado. “O retorno que tenho recebido dos diretores, dos colaboradores das outras emissoras é fantástico. Essa união trouxe muita credibilidade para o trabalho de todas as emissoras porque elas têm se esforçado demais neste momento para levar informação e esperança para nossa população e, é claro, que isso gera mais audiência”.

Rafael explica que os ouvintes ficaram admirados e se sentiram valorizados. “Em um momento de intenso isolamento social, as emissoras deram as mãos e revelaram a todos o verdadeiro sentido da comunicação que é unir e transformar a nossa sociedade para melhor. Esse grande aprendizado vamos levar com certeza para a vida inteira, que apoiar um colega de outra emissora não gera concorrência, mas gera admiração. Foi isso que essa campanha trouxe. Admiração pela união das emissoras de rádio da cidade de Maringá contra o coronavírus”. 

Segundo Jany Lima, head de comunicação do Grupo Maringá de Comunicação, a parceria foi um primeiro passo das emissoras em uma iniciativa corporativa do mercado de rádios em Maringá. “Toda crise traz oportunidades. As emissoras nunca tinham se unido e a crise criou esse momento importante para o nosso mercado. Essa é só uma primeira ação, para um trabalho institucional do meio rádio na cidade”.

Fazem parte desta união a CBN FM 95.5, Maringá FM 97.1, Rádio Mix FM 97.9, Rádio Colméia FM 98.7, Massa FM 92.3, Jovem Pan FM 101.3, Novo Tempo FM 104.9, Mundo Livre FM 102.5, BandNews FM 105.7, Rádio 93.3 FM 93.3, Maia FM 99.3 e Rádio Nova Ingá AM 870.

Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta