» » Kantar lança monitoramento para o rádio no digital




O consumo de rádio segue constante até mesmo durante a pandemia. Dados da Kantar Ibope Media mostram que 78% dos brasileiros ouviram rádio nos últimos 30 dias, com consumo médio diário de 4h41min. Para entender o comportamento desses ouvintes, bem como as plataformas que consomem o formato de áudio, a empresa de pesquisas acaba de lançar o Kantar Social Radio (KSR).

“O KSR permite que emissoras de rádio, agências de publicidade e anunciantes entendam o que se comenta sobre o meio nas redes sociais, quais os programas que mais engajam os ouvintes e, ainda, a performance dos programas ao vivo ou em análises históricas. Compreender essa repercussão é mais um caminho para entender o que o ouvinte quer, de fato, ouvir”, explica Adriana Favaro, diretora de desenvolvimento de negócios da Kantar IBOPE Media.

Dados do Target Group Index indicam que 57% dos brasileiros conectados ouvem rádio e, desses, 16% o fazem enquanto acessam a internet. Esse número expressivo de ouvintes se reflete nas interações online avaliadas pelo Kantar Social Radio. O primeiro levantamento especial do KSR, com análises entre janeiro e junho de 2020, mostra que foram mais de 3,5 milhões de tweets sobre rádio ao longo do semestre entre as emissoras da cobertura, com quase 650 mil autores únicos e mais de 987 milhões de impressões.

“Essa interação entre rádio e redes sociais ficou ainda mais evidente durante a pandemia do novo coronavírus. A busca por conexão levou a um aumento expressivo na geração de conversas sobre rádio, logo após o início das medidas de distanciamento social”, destaca Adriana.

A pesquisa sobre os impactos da Covid-19 no consumo de rádio mostrou que 61% dos ouvintes declararam ter utilizado redes sociais ao longo da pandemia. Os dados do KSR refletem essa repercussão, indicando um aumento de 77% na quantidade de tweets sobre rádio em relação a primeira semana de março, período anterior as medidas de isolamento.

FONTE: PROPMARK

Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta