» » RIO GRANDE DO SUL: diretor de rádio comunitária é morto a facadas


O diretor de uma rádio comunitária foi morto a facadas em frente à casa onde morava em Jaguarão (RS). O crime aconteceu por volta das 22h40min desta segunda-feira (28). Segundo a Brigada Militar (BM), Diogar Caetano Botelho, 64 anos, foi atingido com golpes no tórax e no abdômen. 

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionada, mas a vítima já estava morta. A polícia ainda não tem informações sobre a motivação do crime. A BM informou que os pertences da vítima, como celular e carteira, não foram levados do local. 

Diogar era diretor da rádio Jaguarão FM e apresentador de ao menos quatro programas na emissora. Pelas redes sociais, colegas da vítima lamentaram a morte do comunicador e informaram que a programação da rádio foi suspensa, passando a tocar somente músicas instrumentais. 

A perícia foi chamado e o corpo foi encaminhado ao Departamento Médico Legal (DML) de Pelotas. A investigação ficará a cargo da delegada Juliana Garrastazu Ribeiro, titular da delegacia de Jaguarão.

Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta