» » Vendaval e fortes chuvas causam transtornos em rádios do Sul do país

Entre a tarde e o início da última terça-feira (30) um efeito conhecido como "ciclone bomba" trouxe inúmeros transtornos na região Sul do País. Os estados de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul foram atingidos e contabilizam prejuízos. Em decorrência das fortes rajadas de vento, várias emissoras de rádios sofreram com danos em suas estruturas, especialmente em Santa Catarina.

O fenômeno observado nas últimas horas acontece quando uma frente fria se associa a uma queda repentina na pressão atmosférica. Rajadas de vento foram registradas no Oeste Catarinense e avançaram para o litoral. Além de inúmeros prejuízos, o "ciclone bomba" tem causado sérios transtornos para emissoras de Santa Catarina, como Rádio Porto Feliz AM 1530 de Mondaí, Rádio Clube FM 88.5 de São João Batista, Rádio Vale FM 88.3 de Saudades, Rádio Educadora FM 90.3 de Taió e Rádio Massa FM 105.1 de Canoinhas, estas que tiveram suas torres de transmissão seriamente danificadas, segundo relatos de colabores e profissionais do meio rádio. Emissoras situadas na região de Joinville também sofreram com interrupção na transmissão.

Estrutura da Massa FM 105.1 de Canoinhas, seriamente danificada pelos temporais

Apesar de Santa Catarina ser o estado que contabilizou até o momento o maior número de registros, o Paraná também foi atingido pelo fenômeno. Curitiba chegou a registrar na tarde de ontem rajadas de vento com até 96 km/h, segundo dados do INMET. Emissoras de rádio da cidade não apresentaram problemas de instabilidade no sinal, porém a RIC FM 107.1, que tem sua torre instalada em Contenda, sofreu e teve sua estrutura prejudicada. Apesar disso, a emissora deve retornar com suas operações no decorrer desta quarta-feira (1).


Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta