» » Sombra, do Ratinho, fala sobre vida anônima



O seu rosto é pouco conhecido, mas basta abrir a boca para que o locutor Alvino Batista Soares, de 61 anos, chame a atenção do público com o seu vozeirão. Ele trabalha há cerca de duas décadas com o apresentador Carlos Massa, o Ratinho, fazendo a narração de notícias ou chamando os convidados do programa, sempre por trás de uma tela e com o rosto escondido. Por isso mesmo, Alvino ganhou o apelido de Sombra, um dos personagens mais antigos da atração.



"O Ratinho criou o Sombra porque ele queria que alguém passasse notícias. Foi ainda na época da Record. Eu tinha que ser redator, editor e locutor, tudo ao mesmo tempo. E ele botou uma tela em pé, que permanece até hoje. As pessoas falam 'esse cara deve ser muito feio' e eu não sou feio", disse ele, bem-humorado, em entrevista ao UOL.

Sombra garante não gostar de aparecer e afirma que já se acostumou com a vida de anônimo. "Eu adoro andar de ônibus, de metrô, andar a pé, porque ninguém sabe quem sou eu, ninguém me importuna (...) Eu já me acostumei tanto que não gosto de aparecer. Acostumei. Agora não adianta mudar mais, né? Não funciona. Se o Sombra aparecer não vai ter mais graça, perde a graça", afirma. "Mas quando as pessoas me reconhecem, é uma satisfação muito grande, porque trata-se de um trabalho da gente que é reconhecido", admite.

No mês passado, Ratinho surpreendeu os seus seguidores (e o próprio Sombra) ao publicar pela primeira vez uma foto dele no Instagram. "Estávamos no ar, era um programa de segunda-feira. No intervalo, ele foi lá para o fundo e postou a foto na hora. Eu jamais pensei que o Ratinho fosse fazer isso", afirma.



FONTE: TV FAMOSOS - UOL

Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta