» » 6 dicas para ser um ótimo locutor(a) de rádio


Para ser um ótimo locutor de rádio é preciso sair do lugar comum, inspirando-se em grandes nomes e traçando um caminho com foco e dedicação. Entre as atitudes esperadas de um locutor de rádio diferenciado, está a busca constante por um melhor desempenho.
Veja como isso pode ser feito com 6 dicas que separamos para ser um ótimo locutor de rádio!

1. Qualifique-se sempre

Não é só você que nota suas deficiências — tanto ouvintes quanto colegas de trabalho são capazes de identificar onde é preciso melhorar ou aperfeiçoar o seu trabalho. Isso não é nenhum problema, afinal, ninguém é perfeito.
Por esse motivo, manter-se atualizado é sempre necessário. Realizar cursos e qualificar-se cada vez mais é de extrema importância para o locutor que pretende progredir na carreira.

2. Seja um ótimo entrevistador

Tão importante quanto ter uma excelente dicção, saber o que dizer diante de um entrevistado, deixando espaço para ele se expressar, é algo que todo locutor precisa aprender para alcançar um nível de excelência no seu trabalho.
Para isso, é preciso estudar técnicas de entrevistas, buscar referências na área e seguir um roteiro que seja, ao mesmo tempo, natural e direcionado para aquilo que os ouvintes da rádio se interessam.

3. Domine a programação da rádio

Cada rádio possui uma agenda de programações, a qual é conhecida pelo seu público e ajuda na fidelização de ouvintes. Assim como seus ouvintes, os membros da rádio — destacando-se os locutores — precisam conhecer a fundo a programação, demonstrando intimidade com o seu espaço de trabalho e transmitindo a identidade da rádio por meio da sua fala.

4. Busque uma linguagem acessível

A linguagem do locutor é o seu principal instrumento de comunicação. Somada à entonação da sua voz, ela transmitirá a mensagem e garantirá que o público certo tenha sido atingido.
Para isso, é essencial que o locutor tenha uma linguagem acessível, isto é, sem muita complexidade e vocabulário rebuscado, variando sempre de acordo com as características da programação e de seus ouvintes.

5. Construa a sua identidade

Todo locutor tem a sua marca, ou seja, aquilo que o diferencia dos demais e faz com que o ouvinte volte a escutá-lo. As próprias diferenças individuais já criam essa marca naturalmente. Porém, é preciso saber explorar as características que de fato valem a pena cultivar, bem como suprimir as que não são tão interessantes.
Isso poderá ser observado tanto por meio da audiência quanto pelo próprio feedback do público, além, é claro, do bom senso.

6. Preocupe-se com o conteúdo

Não é só a forma que um locutor fala que define o quanto ele será bom, o conteúdo de qualidade é decisivo para destacá-lo entre os demais.
Uma preocupação com o tipo de opinião que ele poderá expor, assim como os assuntos que ele considera relevantes, tudo isso construirá a sua imagem e cativará, ou não, o seu público, visto que, por ocupar um lugar em um veículo de comunicação, o que ele diz possui um peso maior.
POR BRUNO FARIA | TELETRONIX



Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta