» » MobiAbert: estudo mostra desafios para radiodifusor na era digital


O projeto Mobilize-se, agora chamado MobiAbert, foi tema de uma pesquisa realizada por duas professoras universitárias para avaliar o impacto da integração das rádios brasileiras ao uso dos aplicativos para celular.
Emissoras de todo o país que integram o projeto participaram da pesquisa. O resultado aponta que o celular se converteu na principal porta de entrada para o consumo de rádio, porém as emissoras que usam aplicativos ainda encontram dificuldades para explorar as ferramentas disponíveis. 
“A iniciativa da ABERT com o projeto Mobilize-se pode ter oferecido às emissoras uma vantagem competitiva no atual contexto informacional, ou seja, aproximar o rádio multiplataforma, ubíquo e com mobilidade para além das ondas hertzianas. No entanto, a simples exposição em uma plataforma mobile não resolve sozinha todas as questões envolvidas. Requer do radiodifusor capacidade de reinvenção, reciclagem, revisão de estratégias e muito aprendizado sobre o ambiente online”, afirma um trecho da publicação. 
A pesquisa analisou o aumento da audiência e faturamento das emissoras, mudanças na programação e na gestão das rádios a partir do uso do aplicativo. Foi também analisado o nível de satisfação do radiodifusor com o projeto.
O diretor geral da ABERT, Cristiano Lobato Flores, destaca que o rádio precisa não apenas estar presente nas plataformas digitais, mas usufruir de todos os benefícios que a tecnologia oferece.
“Agora o ouvinte é uma pessoa conectada e multiplataforma, que busca mais conteúdos complementares e integrados. As rádios precisam dar atenção às possibilidades que o universo digital oferece, não apenas de aproximação da audiência, mas também de novas fontes de renda”, afirma Flores. 
O estudo foi coordenado pelas professoras universitárias Nélia Del Bianco, da Universidade de Brasília (UnB) e Nair Prata, da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), com larga experiência em pesquisas sobre rádio e várias publicações na área. 
Para acessar o artigo completo, clique aqui.
FONTE: ABERT

Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta