» » ‘STATIONS’: CHEGOU A RÁDIO DO SPOTIFY


O novo projeto do serviço de streaming sueco, que tem mais de 140 milhões de utilizadores ativos, sendo o maior serviço do género à escala global, vem atualizar o conceito de rádio para os seus utilizadores.

Spotify descreve a nova aplicação como “a forma mais fácil de ouvir a música que amas. Totalmente gratuito.” De acordo com a descrição na Google Play Store, o Stationsé “uma experiência,” pelo que ainda não se encontra disponível para todos os utilizadores.

Esta nova aplicação vem dar destaque à função de “rádio” já existente no serviço principal. No entanto, as estações musicais baseadas em géneros ou relacionadas a álbuns e artistas em específico apresentam-se no Stations de uma forma mais simplese com um design mais atrativo.

Até ao momento, a app apenas pode ser descarregada na loja Google da Austrália, estando visível, porém indisponível, nas versões internacionais da Play Store.

app foi desenhada especificamente para reduzir os passos necessários para aceder à música que queremos ouvir. Assim, o Stations poderá ser utilizado de forma gratuita por todos os utilizadores do Spotify, visto que a aplicação também irá conter anúncios. Os utilizadores premium verão os anúncios ser retirados, tal como no serviço principal.

Assim que for aberto, o Stations irá começar a tocar imediatamente. Não vai ser possível pesquisar por estações nem avançar ou recuar a faixas – mesmo para os utilizadores premium, que o podem fazer na aplicação-mãe -, encorajando os melómanos a dar uma oportunidade a cada tema apresentado.

Este serviço prima pela conveniência, permitindo uma experiência de audição relaxada e com pouca interação dos seus utilizadores. Ao mesmo tempo, o Spotify dá destaque a uma das áreas mais utilizadas da sua oferta, promovendo a descoberta de novos artistas e a curadoria musical que a aplicação realiza para quem a utiliza.

Disponível para um número limitado de ouvintes, ainda não se sabe quando é que o Stations chega às lojas de aplicações dos restantes países nem qual o foco que a plataforma de streaming irá atribuir à nova funcionalidade.

FONTE: Espalha Factos 


Postado por ADM

O portal da galera do rádio
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta